quarta-feira, 25 de outubro de 2006

E NÃO SE PODE EXTERMINÁ-LO?

Carlos Xistra - Árbitro de Futebol

3 comentários:

  1. Foi simplesmente vergonhoso...
    Um jogo nada violento com 18 amarelos e 3 vermelhos..dois deles mal dados...enfim...
    da mesma forma q castigam os jogadores qd fazem asneiras, quero ver o q vai suceder a este moino!!!!
    Como benfiquistas , parabéns pelo blog!!
    Ganda benfas
    Desculpem a publicidade...http://fintas-e-fintas.blogspot.com
    saudações encarnadas

    ResponderEliminar
  2. O autor deste blog prefere o Bruno Paixão. Vou relembrá-lo, através de um crónica, de uma arbitragem deste árbitro entre a Oliveirense e o clube do Inferno:
    "O árbitro Bruno Paixão justificou plenamente a passagem à próxima eliminatória da Taça de Portugal ao fazer uma exibição plena de oportunidade no Estádio da Luz. Os restantes jogadores benfiquistas demonstraram alguma arrogância na forma como abordaram este jogo contra uma equipa da 3ª Divisão, o que lhes custou um golo ainda na primeira parte. O único que não embarcou nesta portura e com humildade encarou os jogadores da Oliveirense, dando o seu melhor durante todo o jogo, foi Bruno Paixão. Assinalou um penalty, assinalou dois penalties, assinalou três penalties e mais assinalaria se fosse preciso. É nestas alturas que o brio profissional deve vir ao de cima. Não contente com a sua exibição na marcação de penalties, Bruno Paixão tratou de dizimar a equipa da Oliveirense primeiro com uma expulsão a 10 minutos do fim - garantindo que a sua equipa, o SLB, jogaria descansada o prolongamento - e depois com uma segunda expulsão já no finalzinho porque nunca é de mais confiar. Ainda por cima com esta equipa do SLB. Ganhou o futebol, ganhou a Taça, fez-se a festa e o futebol ficou mais transparente!

    PS - No final Karadas foi ter com o árbitro para perguntar por que não tinha marcado nenhum penalty numa das suas quedas já habituais."

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...