sexta-feira, 29 de maio de 2009

A triste figura da CMVM

A CMVM (Comissão do Mercado de Valores Mobiliários) resolveu suspender a negociação bolsista das acções do Sport Lisboa e Benfica com base numa notícia de jornal. O caso tem a ver com a eventual contratação do treinador do Sporting de Braga, Jorge Jesus, para substituir o actual treinador espanhol do Benfica, Quique Flores.

Em todo este processo da substituição de treinador no Sport Lisboa e Benfica, este incidente com a CMVM é aquele que me suscita maior reflexão e maiores preocupações.

A era das SAD no futebol português foi-nos “vendida” como a panaceia para todos os males da gestão amadora e irresponsável dos clubes de futebol. No Benfica, o processo iniciou-se mal com a liderança de Vale e Azevedo.

Luís Filipe Vieira e Manuel Vilarinho colaram os cacos e deram um rumo ao clube. Vieira credibilizou e estabilizou e fez cotar as acções do Benfica em Bolsa. (é curioso notar que mesmo em crise desportiva, as acções do Benfica têm tido um desempenho mais coerente do que a cotação das acções do FC Porto e Sporting, sinal dessa credibilidade).

Com esta atitude, a CMVM dá um lamentável e grave tiro no pé, lançando a confusão e aleatoriedade num sistema que se deve reger pelo rigor, pela transparência e pela credibilidade.

Agora, para manter a coerência, a CMVM tem de mandar suspender as acções do FC Porto se amanhã um qualquer jornal disser que o futuro treinador do FC Porto não vai ser Jesualdo Ferreira, ou suspender as acções do Sporting se vier à estampa que Eriksson irá substituir Paulo Bento.

E as empresas, que tipo de comportamento podem esperar agora da CMVM? Os jornais da manhã podem reservar tantas surpresas…

9 comentários:

  1. Já agora explica lá essa de o slb vir a ter de pagar 2.5 milhões de EU por falsas informações sobre a contratação de Ramires?
    Ou será que foram os jornais que também orquestraram estas mentiras?? e não o L.F V ou outra qualquer pessoa do slb ????

    ResponderEliminar
  2. onde assino ! onde assino !
    Sem papas na lingua ! curta forte e grossa ...

    Parabens ao dono deste blog , que continue a desmascarar o podre desta seita de MAFI0SOS ..


    Um abração.....

    ResponderEliminar
  3. As notícias, os records e a CMVM

    Num país onde apenas pretendem ter notoriedade o verde, o azul, o rosa e o laranja, tudo o que aparece com a cor encarnada não faz parte da sua paleta de cores.
    Faz-me lembrar o Odorico de Ipagauçú quando lia o jornal da terra e dizia que a gazeta era marronista (leia-se marronista de marron-vermelha).
    Se na política se digladiam duas vocações ou serão tendências ou ainda imposições que estão entre o católico e o ateu, no desporto continuam a impor uma hegemonia de azul com tons esverdeados, não é de admirar que tudo quanto cheire a encarnado mobiliza toda a comunicação social, as tropas de choque das instituições financeiras e das comissões que deviam pugnar pelo estrito cumprimento das leis e dos princípios regulamentares.
    Num país onde existem dois pesos e duas medidas, não é de admirar que tais suspensões de negociação de acções se façam e ainda por cima se noticiem como verdadeiras todas as notícias que dão à estampa os boatos.
    Por outro lado, escondem-se notícias de figurões, ou pelo menos suspendem-se até que haja razões que justifiquem as mesmas e os álibis estejam prontos a cobrir as verdades.
    Os jornais tem responsabilidade nas notícias publicadas, mas pior ainda é o tipo de jornalismo feito.
    Os subservientes jornalistas vendidos a interesses pouco claros que trazem essas notícias à estampa são os responsáveis maiores de uma força de opinião que são os mass media.
    Neste tipo de jornalismo não é aceite o princípio do contraditório ou do direito à defesa dos acusados.
    As parangonas de primeira página vendem. Ainda o ano passado, por esta altura um jornal desportivo lançava em cada edição a ultima aquisição do Benfica no dia anterior, vindo depois muitas dessas aquisições a rumarem ao norte.
    Desde essa altura, deixei definitivamente de comprar jornais desportivos, não por outro motivo que a falta de seriedade e o despudor com que tratavam os leitores que lhes mantinham as rotativas a trabalhar.
    É mais honesto um sapateiro que mete umas tombas nuns sapatos que já não aguentam uns pregos do que alguns dos escrevinhadores de certos jornais.
    O primeiro, servindo-se da sua arte ainda consegue prolongar a vida de um adereço de uso pessoal, enquanto os outros se sentem realizados com as mentiras propaladas e ofensivas para as pessoas e instituições.
    Para acabar com este estado de coisas uma atitude podemos tomar, que nos dá duas razões importantes:
    -1ª. Poupamos dinheiro
    -2ª. Calamos estes fazedores de notícias e de factos.
    Hoje não precisamos de ler o jornal, visto que qualquer site electrónico nos noticia tudo o que se passa, saindo muito mais barato.
    Vamos castigar estes indivíduos no sítio onde eles mais sentem o castigo que é no bolso.
    Pela minha parte acredito que não irão muito mais longe com a sua táctica, pois não podem enganar toda a gente todas as vezes.

    Por um Benfica sólido e cada vez maior.

    Pica Miolos

    ResponderEliminar
  4. O presidente do slb L.F.Vieira Sócio do F C P bem podia aceder á vontade de pinto da Costa em deixar fazer o jogo da final da taça de Portugal

    ResponderEliminar
  5. ESTA INSTITUIÇÃO ESTA ENTREGUE AOS PARASITAS DA SOCIEDADE PORTUGUESA !!

    ATE UM DIA ,QUE SE FAÇA LUZ SOBRE ESTAS GENTINHAS MAFIOSAS ..

    ResponderEliminar
  6. Carlos Tavares - presidente da CMVM - apelidade de mudastea! Adivinhem porquê?
    Carlos Tavares - Presidente da CMVM - uma triste figura a que fez nas declarações aos jornalistas sobre este caso. O Benfica deu-lhe um pouquinho de protagonismo em todos os telejornais da noite. O que não é mau para a sua carreira feita aos trambolhões.
    Carlos Tavares - Presidente da CMVM - devia estar preocupado era com a falta de regulação do mercado que existe em Portugal, no monopolio da EDP e outras que por ai andam e deixar o Benfica sossegado e não ir a reboque de meia duzia de yuppies mal entendidos na matéria, que lhe prestam apoio, e que por dá cá aquela noticia num qualquer pasquim toca de suspender a transacção das acções.
    Carlos Tavares - presidente da CMVM - vai dar banho ao cão!

    ResponderEliminar
  7. POR UMA REVOLUÇÃO NO FUTEBOL EM PORTUGAL:
    http://www.ipetitions.com/petition/revolucaofutebolportugal/

    ResponderEliminar
  8. Uma vez que segundo o pinto da costa já tinham combinado assinar contrato ha já 2 meses atrás, penso que a CMVM devia aplicar uma multa ao porto, visto ter escondido, a meu ver, um facto relevante.
    O presidente da CMVM (Carlos Tavares) e o secratário do desporto (Laurentino Dias)são claramento dois inimigos públicos do Benfica.
    Jorge Cunha

    ResponderEliminar
  9. o anonimo deve saber que o corrupto dos porkos quer saber como se faz para ganhar nas antas ao porkos é corruptos as taças de portugal enfelizmente só ROUBARAM aos do minho a taça de portugal por um arbitro GATUNO por um presidente dos do minho de espinho é socio dos LADRÕES...

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...