terça-feira, 6 de novembro de 2007

Erro de Camacho!

Um erro táctico monumental de Camacho impediu o Benfica em Glasgow de, nos últimos 15 minutos, encostar o Celtic às cordas e garantir pelo menos o empate.
Ao retirar Rui Costa, mantendo dois médios defensivos, Katsouranis e Bynia, Camacho não leu bem o jogo e esvaziou a equipa do seu grande municiador do ataque. Sem o 10, o Benfica nunca mais conseguiu chegar com a bola jogável perto da área do Celtic. O passe curto, de pé para pé, bem à portuguesa, e que era a forma mais eficaz de ultrapassar a defesa escocesa, deixou de existir. Sem Rui Costa, privilegiou-se o pontapé para a frente, fácil para os jogadores do Celtic, mestres no jogo aéreo.
O erro de Camacho produziu, ainda, outras desgraças. Ao manter Bynia, de todo em todo contraproducente naquela altura, aumentou as possibilidades de jogar com dez nos últimos minutos – o que veio a acontecer.
Não está em causa o jogador, útil e combativo, mas, naquelas circunstâncias, era claramente uma unidade dispensável. Camacho não o entendeu. Como não percebeu que sem alguém que colocasse a bola no chão, de nada serviria colocar homens na frente. As entradas de Di Maria, Nuno Gomes e Bergessio foram inoperantes, porque a equipa já não sabia como jogar.
É certo que o golo do Celtic, em cima do intervalo, foi um bambúrrio de sorte. Mas não é menos verdade que esperar pelo último quarto de hora para mexer na equipa, quando se via a olho nu que Bynia estava a mais e que Cardozo necessitava de mais apoio, foi algo de inexplicável.
Más decisões todos os treinadores as têm, mas sempre gostava de saber qual o poder de influência que Fernando Chalana tem junto de Camacho. Sem colocar em causa a confiança pessoal em Carcelen, gostava de saber que o treinador espanhol ouvia com frequência as ideias e os conselhos do “pequeno genial”. Se não o faz, faz mal. Chalana sabe de futebol como poucos e a sua experiência deve ser utilizado em benefício do Benfica.
Com esta derrota por 1-0 em Glasgow, o Benfica fica em maus lençóis, mas ainda nada está perdido. Vamos acreditar!

6 comentários:

  1. Boa noite,

    Sou adepto e sócio do Benfica e vi o jogo de hoje. Apesar de concordar que fizemos uma má 2ª parte, não vejo razões para criticar a substituição do Rui Costa. Sou um grande admirador do Rui, mas temos de ser realistas e assumir que ele já não consegue jogar os 90 minutos ao mesmo ritmo. Foi excatamente isso que se passou hoje e que deixou o meio campo do Benfica coxo a partir de certa altura. Agora, talvez fosse melhor ter colocado o Nuno Assis... pelo menos não perdíamos a ligação ao ataque como perdemos!

    Nuno Oliveira

    ResponderEliminar
  2. Bom Dia:

    Não podia estar mais de acordo contigo. Para Camacho deve ser fácil chegar ao fim e dizer que "nosotros intentamos salir a ganar mas a bola non quiere entrar" mas para mim que passo 24 horas a pensar no Benfica é mais dificil perceber aquela porcaria daquelas substituições.

    não sou gajo de estar sempre a criticar as opções dos treinadores porque são eles que treinam os jogadores e convivem com eles diariamente, mas ontem a questão foi outra: medo e estupidez. o Benfica precisava de vencer ou empatar, no minimo! então só tinha que tirar o Edcarlos, descer um pouco o Katso e meter o Nuno Gomes ao lado do cardozo. Ou tirar o Bynia e meter o Nuno Gomes. para além disso a conversa com os jogadores ao intervalo deve ter sido uma porcaria, já que na primeira parte controlamos o jogo, jogamos bem e criamos oportunidade tudo a jogar a bola de pé para pé e na 2ª parte andamos a despejar bolas na área para os centrais deles aliviarem...

    que chatice!

    se fosse o fernando santos, havia um motim à chegada...

    Ainda por cima o Benfica com tantas e boas opções: di maria, adu, nuno assis, nuno gomes...

    Porra, estou desolado!

    www.footballdependent.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. Se me permite um correcção ao título do seu post...
    MAIS UM erro de Camacho.

    Saudações benfiquistas

    Jorge Serra

    ResponderEliminar
  4. concordo com essa do rui costa e
    as substitui�es foram tardias � um facto

    e para al�m disso acho que Pereira devia ter come�ado a defesa-direito e Di Maria logo atr�s de Cardoso

    Imaginem os primeiros 15/20 minutos que tivemos COM Cardoso e Di Maria na frente, se calhar t�nhamos marcado, mas n�o se vive de se calhares e perdemos

    N�o percebo a insit�ncia em Bergessio e o facto de Camacho encostar F�bio Coentr�o

    Coentr�o pode jogar a extremo-esquerdo e Di Maria ao lado ou logo atr�s de Cardoso

    E Assis ontem? da maneira como jog�mos nos primeiros vinte minutos tinha dado jeito na frente

    Gostei da din�mica da equipa ontem, o problema do Benfica � o de sempre e que j� referi v�rias vezes

    N�o temos um Serial Killer na frente, um jogador que resolva

    Com um jogador como Liedson ou Mcarthy ontem se calhar tinhamos o jogo

    O Sporting n�o joga a puta dum corno e Liedson salva-os sempre ou quase sempre, como na ta�a da liga e neste fds em casa contra a Naval

    do nada e de costas pr� baliza marcou um golo de fora de �rea

    N�o temos um jogador destes

    Somos a equipa que mais remata e ataca e remata na Champions, estamos em �ltimo no grupo

    Nuno Gomes entrou e nem se viu

    n�o estou a dizer mal de cardoso, o benfica t�m que ter paci�ncia e o apoiar, para o ano, depois de ter f�rias condizentes e estar ambientado vai render mais concerteza

    agora precisamos de mais um avan�ado e que seja muito forte e isso camacho felizmente j� viu e pediu

    o Benfica t�m que se concentrar em absoluto na Liga e na ta�a de portugal

    desculpem l� mas Binya fez um grande jogo p� t�m � que ensinado e controlado para n�o fazer faltas daquelas

    � um tank ali no meio campo e enche o campo e vai melhorar

    agora o que interessa � apoiar a equipa contra o boavista e ganharmos o jogo e presionar o porto

    ResponderEliminar
  5. José Casimiro de Pina - Cabo Verde07 novembro, 2007 12:42

    Eu só queria deixar a minha opinião. Parece que dentro do clube existem algumas "forças" que nos impede de chegar a vitória em momentos cruciais. Quando saiu o Cardozo e Pereira e entrou Nuno Gomes e Bergessio concluí que jamais marcaríamos um golo. O grande problema do Benfica é que insite em ser um clube com alguns "intocáveis". Porque insiste-se em Rui Costa, que de facto é bom jogador mas fazer um jogo de quatro em quatro meses é muito pouco. E é ele que marca todos os livres, independentemente da posição da bola, é ele a distribuir jogo para quem entender (neste jogo passou quase sempre a Luis Filipe, se calhar para o ajudar a permanecer depois de Dezembro). Porque joga um jogador como Luis Filipe num clube como o Benfica? Quando era Nélson (que fez uma época de estréia belíssima) a jogar mal todos pediram a sua cabeça e a sua saída, mas Luis Filipe, que é o pior jogador q já vi de encarnado vestido parece que ninguém vê. Porque permaneceu tanto tempo Nuno Gomes e Mantorras no clube? Porque ñ permaneceu Butt na baliza, teve culpa nas golos contra Setúbal? Porque não joga Adu de início e nem sequer entrou quando precisavamos de golos? Porque ñ joga Rodriguez no meio como faz no Urugay? Porque ñ jogam Adu e Di Maria ao mesmo tempo a apoiarem Cardozo, que parece que não caiu no goto de Rui Costa (raramente lhe passa a bola)? É isso que se passa no Benfica e a mim parecem-me bastante evidentes. Quem souber responder a estas perguntas agradecia. Quando regressarem David Luiz, Petit e Nélson tirarei as minhas conclusões. É que são indiscutivelmente titulares e se não acontecer saberei o que se quer do Benfica...e não é nada de bom!

    ResponderEliminar
  6. José Casimiro de Pina - Cabo Verde07 novembro, 2007 15:49

    O problema do Benfica é simples: Enquanto alguns jogadores, com um forte apoio de "certas pessoas" (dirigentes, sócios, jornalistas) tiverem lugar cativo na plantel e na equipa do Benfica, independentemente da sua perfomance e qualidade futebolísticas, o Benfica, por muito que me custe, jamais voltarán a ser a equipa vencedora e referência na Europa. É bastante evidente, vi a capa do Record e os cartões vermelhos mostrados a Binya, Camacho e Cardozo e fiquei atónito. Luis Filipe ñ viu nenhum, já ouvi alguns jornalistas proporem consultas psicológicas a este jogador, mas nunca a Cardozo. A este dizem que falha muitos golos. E eu que pensei que nós Benfiquistas nem davamos importância a essa banalidade futebolística que são os golos, já que nunca exigimos isso ao Nuno Gomes. Fiquei a pensar, se fosse o Cardozo a falhar aquele golo na Luz contra o Espanhol de Barcelona o que seria dele...Mas é o meu Benfica, e assim vai a vida...

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...