sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Não voltes a um lugar onde foste feliz?

“Não voltes a um lugar onde foste feliz”, diz a sabedoria popular. O que se está a passar com Camacho neste seu regresso à Luz apenas serve para confirmar este conselho. Depois de uma primeira passagem, em 2002/2003, onde conseguiu levar o Benfica ao segundo lugar, e, no ano seguinte, a novo segundo lugar na Liga, a que juntou a vitória na Taça de Portugal, derrotando na final do Jamor o então todo-poderoso FC do Porto de Mourinho por 2-1, Depois de 11 anos, este era o primeiro título nacional conquistado pelo Benfica. O treinador espanhol voltou com a aura de um D. Sebastião.
A bordo de um avião particular aterrou em Tires e o seu primeiro treino foi presenciado por mais pessoas que o recente jogo do Benfica no Restelo para a Superliga. Para trás tinha deixado o banco do Real Madrid, por não aceitar submeter-se aos caprichos das estrelas merengues, os “galácticos”: Zidane, Figo, Beckam, Ronaldo, Roberto Carlos, entre outros. Ao bater com a porta na cara de Florentino Perez, o então visionário presidente do Real Madrid, Camacho aumentou mais a sua imagem de homem com mão de ferro, impertubável aos ditames presidenciais.
Na Luz, entretanto, passavam Giovanni Trapattoni, que foi campeão, Ronald Koeman e Fernando Santos. Nenhum durou mais de um ano. Camacho regressou. “Não voltes a um lugar onde foste feliz?”. Cabe ao espanhol contrariar a sabedoria popular.

Foto em http://www.mundolusiada.com

3 comentários:

  1. José Casimiro de Pina21 dezembro, 2007 16:59

    Se Camacho não submeteu a estes colossos do futebol mundial, iria ele algum dia submeter-se a ...Léo?! Ainda bem que não o fará. Imaginem que Rui Costa é o homem que se segue. A bem do Benfica. Devemos escolher entre um clube romântico, com jogadores todos benfiquistas desde pequeninos, nem que sejam medíocres e um clube ganhador, com verdadeiros profissionais de futebol, com qualidade. Eu tenho a minha escolha.

    ResponderEliminar
  2. O que é Nacional é que é bom... Há muito campeonato pela frente...

    ResponderEliminar
  3. O que é Nacional é que é bom... Obrigado Nacional!!!
    Ainda falta muito campeonato, os super dragões estão com tendência para ganhar hospedagem por largo período em Custóias - e os que para lá não forem correm o risco de baterem com a cabeça num par de balas, enviadas por gente da mesma colectividade de facínoras.
    O mundo está a melhorar, pelo menos cá por cima pelo Norte...!!!
    Na Luz, infelizmente, parece continuar o desnorte, apesar da boa segunda parte de ontem. Hesitar na renovação do Léo? Ainda o Christian Rodriguez não está definitivamente contratado? Como pode isso ser possível? Com dirigentes assim instala-se a dúvida até no meu espírito de lampião irredutível e empedernido...

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...